Sinner iguala recorde do ‘Big 3’ com vitória em Rotterdam

A vitória de Jannik Sinner no ATP 500 de Rotterdam fez com que o italiano atingisse uma estatística que apenas o ‘Big 3’ (Novak Djokovic, Rafael Nadal e Roger Federer) havia alcançado antes. 

Sinner jogou 12 partidas desde o início da temporada — e ganhou as 12. 

Nos últimos dez anos, apenas Djokovic, Nadal e Federer conseguiram iniciar a temporada com uma performance equivalente. Em outras palavras: Sinner se igualou — nesse quesito específico — aos três tenistas que dominaram o esporte nos últimos 20 anos.

Apesar disso, os números do ‘Big 3’ ainda são mais impressionantes.

Djokovic alcançou esse recorde diversas vezes em sua carreira — e foi além. Em 2016, ele ganhou 14 partidas consecutivas. Em 2020, ele ganhou novamente 14 partidas antes dos torneios serem suspendidos pela covid. 

Em 2023, ele aumentou a marca, ganhando 15 partidas consecutivas. 

Indo além do horizonte de dez anos, Djokovic fez um recorde ainda mais impressionante. Em 2011, ele ganhou 41 partidas consecutivas no início da temporada, vencendo o Australian Open, em Dubai, Indian Wells, Miami, Belgrade, Madrid e Roma, antes de perder nas semifinais de Roland Garros para Federer. 

Federer ultrapassou esse marco em 2018, quando venceu o Australian Open e o ATP de Rotterdam e perdeu nas finais do Indian Wells. Foram 17 vitórias consecutivas. 

Já Nadal, ganhou 21 jogos consecutivos em 2022, quando venceu o ATP de Melbourne, o Australian Open, o ATP de Acapulco, e perdeu nas finais do Indian Wells. 

Com a vitória em Rotterdam, Sinner também se tornou o primeiro tenista nos últimos 23 anos a vencer um título depois de ter ganho seu primeiro Grand Slam.

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×