Djokovic: “Foi uma das piores partidas de Grand Slam que já joguei”

Novak Djokovic disse que a partida que ele jogou contra Jannik Sinner pelas semifinais do Australian Open, na madrugada de hoje, foi “uma das piores partidas de Grand Slam que já joguei, pelo menos que eu me lembre.”

Numa entrevista pós-partida, o número 1 do mundo disse ainda “não tinha quase nada que eu estava fazendo certo nos dois primeiros sets.”

“Eu fiquei, de certa forma, chocado com o meu nível, de forma negativa,” disse o sérvio. “Ele [Sinner] está merecidamente na final. Ele me superou completamente hoje.”

Antes da derrota de hoje, Djokovic havia ganho todas as 33 partidas que disputou nos últimos Australian Open. 

Na entrevista, ele disse que se sente orgulhoso do que ele conquistou no torneio. 

“Mas a sequência tinha que acabar um dia. Isso ia acabar acontecendo, e, você sabe, pelo menos eu dei tudo que podia sob circunstâncias em que eu não joguei bem, e eu perdi para um jogador que tem uma chance muito boa de ganhar seu primeiro Grand Slam. É isso.”

A partida de hoje foi a segunda de Djokovic num Grand Slam em que ele não conseguiu ganhar nenhum break point. O outro jogo havia sido contra Tomas Berdych nas quartas de final de Wimbledon há sete anos, quando o sérvio teve que desistir da partida no segundo set. 

Djokovic disse ainda que a derrota não necessariamente significa o “início do fim, como algumas pessoas gostam de chamar.”

“Eu ainda tenho altas expectativas para outros Grand Slams, para as Olimpíadas e qualquer torneio que eu jogar. É apenas o início da temporada,” disse ele. 

“Não é o sentimento que estou acostumado. Quero dizer, tem sido incrivelmente satisfatório para mim começar minha temporada com a vitória de um Grand Slam e sem nunca ter perdido nas semifinais ou finais do Australian Open.”

“Então, dessa vez é diferente, mas é o que é. Vamos ver o que acontece no resto da temporada.”

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×