Wild, Fonseca e Heide disparam no ranking; confira às mudanças

O novo ranking divulgado nesta segunda-feira pela ATP mostrou uma melhora considerável dos brasileiros — com Thiago Wild, João Fonseca e Gustavo Heide sendo os grandes destaques.

Wild — que é hoje o brasileiro melhor posicionado no ranking — ganhou 63 por seu desempenho no Miami Open e subiu posições para o número 66 do ranking (próximo de sua melhor posição da carreira, o 65).

Essa posição do ranking já garante a Wild a participação na chave principal de todos os grandes torneios do circuito — inclusive os Grand Slams.

Thiago Wild disse que seu próximo torneio será o ATP 250 de Bucareste, que começa dia 15 na Romênia. 

Gustavo Heide é outro tenista brasileiro que deu um salto no ranking, depois de vencer o Challenger de Assunção numa final disputada contra João Fonseca.

Heide saltou 51 posições, chegando ao número 174 do ranking. É a primeira vez o jovem de 22 anos entra para o top 200 do ranking ATP.

Já João Fonseca — a jovem promessa brasileira de apenas 17 anos — saltou 53 posições por ter chegado a final do Challenger de Assunção, atingindo a posição 288 e estreando no top 300.

Thiago Monteiro — o segundo brasileiro melhor ranqueado — se manteve na posição 110, enquanto Felipe Meligeni subiu quatro posições por ter chegado a semifinal do Challenger de São Leopoldo. Agora, ele é o número 130 do mundo, próximo de seu melhor ranking (129).

Por fim, Pedro Sakamoto subiu 13 posições, para a 296, e Orlando Luz, que foi as quartas de final nos Challengers de Assunção e São Leopoldo, subiu 36 posições e hoje é o 336 do mundo.

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×