Nadal diz que o mais provável é que ele jogue em Roland Garros

Mesmo depois de uma derrota trágica na primeira rodada do Masters 1000 de Roma, Rafael Nadal disse que está otimista em relação a Roland Garros e que está mais propenso a participar do torneio.

A declaração foi dada durante uma coletiva de imprensa em Roma, depois do espanhol ter perdido para o top 10 do mundo, Hubert Hurkacz, por 6/1 e 6/3.

“Existem dois caminhos: um deles é dizer: ‘Ok, não estou pronto e não estou jogando bem o suficiente’. Então seria o momento de tomar a decisão de não jogar Roland Garros,” disse Nadal. 

“O outro é aceitar como estou hoje e trabalhar para tentar estar de uma forma diferente daqui a duas semanas. A decisão, como vocês podem imaginar, não está clara na minha cabeça. Mas se eu tiver que dizer o que sinto hoje, estou mais próximo de dizer que estarei em Roland Garros e que darei o meu melhor.”

Nadal já sinalizou diversas vezes que essa deve ser a última temporada de sua carreira. 

Em Madri, ele chegou a fazer uma despedida emocionante com seus fãs. 

Sua participação no Roland Garros, portanto, seria uma despedida do Grand Slam francês — onde ele já ganhou 14 vezes.

“Fisicamente, tenho alguns problemas, mas provavelmente ainda não o suficiente para eu não jogar o evento mais importante da minha carreira no tênis,” disse o ex-número 1 do mundo.

“Vamos ver o que está acontecendo, como estarei mentalmente amanhã, depois de amanhã e daqui a uma semana. Se eu me sentir pronto, tentarei estar lá e vou lutar pelas coisas que tenho lutado nos últimos 15 anos. Mesmo que agora pareça impossível.”

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×