Djokovic pode ficar de fora de Wimbledon

Depois de ter que desistir de Roland Garros nas quartas de final por conta de uma lesão no joelho, Novak Djokovic pode ficar de fora também de Wimbledon.

O sérvio — que caiu para a segunda posição do ranking com a desistência do Grand Slam francês — decidiu fazer uma cirurgia no menisco hoje, em Paris.

Segundo o jornal francês L’Equipe, o tempo de recuperação dessa cirurgia deve ser de pelo menos três semanas, o que o deixaria de fora de Wimbledon, que acontece entre os dias 1 e 14 de julho. 

A participação de Djokovic nos torneios seguintes e, especialmente, nos Jogos Olímpicos de Paris, vai depender de como ele reagirá ao procedimento. 

As Olimpíadas é o único grande título que Djokovic ainda não conquistou — e um de seus grandes objetivos nesta temporada. A decisão de fazer a cirurgia rapidamente tem a ver com isso: o sérvio quer estar pronto para poder disputar as Olimpíadas, que começa no dia 26 de julho. 

LEIA TAMBÉM

As melhores raquetes de tênis em 2024

Qual é a raquete de Carlos Alcaraz

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×