Monteiro avalia participação em Roland Garros e diz que teve virose

Thiago Monteiro, o número 86 do mundo, avaliou hoje sua participação em Roland Garros, onde foi eliminado na primeira rodada, depois de ter furado as qualificatórias do Grand Slam francês.

“Foram duas semanas boas aqui em Roland Garros,” disse o brasileiro. “Infelizmente, logo após o quali, tive uma espécie de virose e acabei perdendo alguns dias de treino para recuperar o corpo.”

Monteiro perdeu na estreia para o sérvio Miomor Kecmanovic, o número 57 do mundo, por três sets a um, com parciais de 6/2, 6/1, 4/6 e 7/5.

Sobre o jogo, Monteiro disse que foi difícil, principalmente no início. 

“Meu adversário ditou um ritmo muito forte desde o começo. Eu fui me adaptando e depois consegui entrar no jogo e me sentir melhor, mas ele foi sólido a partida toda. Em jogo contra esses grandes competidores é sempre importante começar bem e deixar o placar o mais próximo pelo maior tempo possível, mas acabei começando um pouco abaixo e dei muita margem pra ele. Me coloquei numa situação difícil de voltar para a partida.”

Monteiro vinha de uma campanha muito forte no Masters de Roma, onde chegou até as oitavas de final, depois de ter furado as qualificatórias. No Masters de Madri, ele também havia furado as qualis, e chegado até a terceira rodada.

Com a campanha, Monteiro voltou ao top 100. Com os pontos que ganhou em Roland Garros, ele deve subir para o top 80. 

Sobre os próximos passos, Monteiro disse que deve jogar dois ou três torneios na grama e alguns ATPs. Depois, seu grande objetivo é jogar os Jogos Olímpicos.

Compartilhe nas suas redes:

Receba o Brasil Tênis no seu email
A melhor cobertura dos torneios de tênis, além de curiosidades e bastidores do esporte.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×